• Lampião a Gás

Fahrenheit 451


Autor: Randy Bradbury

Editora: Biblioteca Azul

2ª Edição - 2012

Páginas:216


Nada como começar essa sessão com um dos mais icônicos contos do nosso tempo.


Fahrenheit 451 é um romance de ficção, escrito por Ray Bradbury e foi publicado pela primeira vez em 1953, de lá para cá já teve várias edições mundo afora e foi alvo de inúmeras interpretações, mas Bradbury sempre negou que o livro trata-se da censura importa, mas de como outros veículos, a televisão no caso, é capaz de fazer com que as pessoas percam o interesse pela leitura.


O romance é narrado em um futuro inespecífico em uma América pouco dada a expansão intelectual dos homens e dada ao consumo e aos prazeres, configurando um cenário hedonista fora de qualquer controle, e pouco tolerante o que são pegos ledo um livro, que são ilegais e prontamente queimados.


O personagem principal é um bombeiro, Guy Montag, que segue a profissão de seu pai e de seu avô, tem certeza de que seu trabalho (queimar livros e a casa que os abrigam, bem como perseguir as pessoas que os detêm) – é a coisa mais certa a fazer. Ele lembra-se particularmente de uma ocasião de sua infância, quando faltou luz e sua mãe acendeu uma vela: no escuro, a vela proporcionou uma luz estranha, mas na qual Montag se sentiu seguro e confortável.


A narrativa se encerra com um leve tom otimista, com a promessa de que uma nova realidade estaria renascendo e neste novo cenário os entusiastas dos livros começam a revelar-se, explicando a todos os demais de onde vieram de que forma o conhecimento que detêm poderá transformar a vida de todos de forma positiva.


O autor conta que todo o romance foi escrito nos porões da biblioteca Powell, na Universidade da Califórnia, em uma máquina de escrever alugada. Sua intenção original, ao escrever o romance, era mostrar seu grande amor por livros e bibliotecas, e frequentemente se refere a Montag como uma alusão a ele mesmo.


Enfim, uma obra essencial em qualquer biblioteca, muito bem escrita e com narrativa cativante, que prende a sua atenção do começo ao fim.


JP Carvalho – em 28/04/2020

As opiniões expressas nesse site são de responsabilidade de seus autores e não expressam necessariamente a opinião de seus editores.

​© 2020 por JP Carvalho - JPGraphix para Lampião a Gás - Todos os direitos reservados.

Endereço para correspondência: Rua Sebastião Gonçalves, 41 - Imirim - São Paulo - SP - CEP: 02466-123