• Lampião a Gás

Sobre a violência real e verbal


Sabe,


Um dia desses, numa dessas reuniões, me chamaram de alienado, por não saber de um fato suuuper-relevante sobre a violência no Rio. Parece que o assunto teve grande destaque a semana toda. Enfim, não era nada de novo e que a gente não tenha visto.


Muito triste mesmo a violência, qualquer que seja sua forma. Mas o problema é usar a violência na defesa de ideologias... qualquer que seja sua forma. E assim comete-se mais uma violência, desta vez verbal, desrespeitosa, desonesta. Como se as pessoas tivessem a obrigação de acompanhar o tabloide Notícias Populares ou o jornal do horário nobre da TV Plana. Pois bem, o tempo que eu tenho para descansar é precioso demais para ser desperdiçado com esse tipo de embotamento.


Numa tentativa de colaborar de maneira mais efetiva nas conversas de corredor e no cafezinho (porque ninguém é de ferro) sintonizei a telinha em um jornal (da TV Plana não, porque aí já é demais) mas fui obrigado a desistir da investida porque no canal ao lado estava passando um documentário sobre a vida de Villa-Lobos, seguido de outro excelente sobre Hermeto Pascoal. Esse último tive a dor no coração de trocar por um episódio de “This is Opera” onde estavam contando a história de Eugene Onegin, de Tchaikovsky.


Enfim, a escolha está aí para todos, e se eu tiver que escolher com certeza vou passar longe de noticiários tendenciosos e vou preferir me desgarrar da boiada, mesmo que isso implique na exposição e apedrejamento pelos nossos pseudo intelectuais metidos a besta.

Por: Alberto Fracassi - Em 09-05-2019

As opiniões expressas nesse site são de responsabilidade de seus autores e não expressam necessariamente a opinião de seus editores.

​© 2020 por JP Carvalho - JPGraphix para Lampião a Gás - Todos os direitos reservados.

Endereço para correspondência: Rua Sebastião Gonçalves, 41 - Imirim - São Paulo - SP - CEP: 02466-123